Páginas

segunda-feira, 27 de maio de 2013

Marcha das vadias!


Olá gente! Como estão? (Me respondam por favor!) Eu estou ótima iurru! Vim fazer um post diferente no blog hoje, sobre algo que me interessei bastante, e quero, quem sabe, fazer com que fiquem interessados também. Vim falar da "Marcha das Vadias", que é um movimento feminista e contra o estupro. Pode parecer idiota falar que é contra o estupro, porque, aparentemente, ninguém é contra. Mas, em pleno século 21, há pessoas que acham normal. Elas vem com aquelas frases do tipo "Também né? Com esse decote, tava pedindo para ser estuprada", "Ah, ele é homem né? Homem não se controla!". E isso é um absurdo! Acharem que lugar de mulher é na cozinha, que o homem que manda, que a possui. E sim, estou seguindo os caminhos do feminismo. Acho que mulher tem o total direito de vestir o que quiser, e tem o direito de fazer o que quiser com o seu corpo, e isso inclui a legalização do aborto. Sou totalmente a favor, pois, como já citei, temos o total direito de manipulação sobre nosso corpo.


Como surgiu a "Marcha das Vadias"

O protesto contrário ao machismo que teve origem no Canadá e se espalhou pelo mundo. Conhecido como ‘SlutWalk’, ele é realizado neste sábado em diversas cidades do Brasil. O movimento ‘SlutWalk’ começou em Toronto, no Canadá, quando alunos de uma universidade resolveram protestar depois que um policial sugeriu que as estudantes do sexo feminino deveriam evitar se vestir como “vagabundas” para não serem vítimas de abuso sexual ou estupro.

A primeira marcha reuniu cerca de 3 mil participantes vestidas de forma provocativa ou comportada para chamar a atenção para a cultura de responsabilizar as vítimas de estupro. Foi o estopim para que outros eventos semelhantes se espalhassem por várias cidades dos Estados Unidos e Europa.
(fonte: G1).


Bem gente, é isso, espero que depois desse post vocês possam refletir um pouco sobre tudo isso a cerca da humilhação e da diminuição dedicada às mulheres. Um beijo pra vocês e me contem o que acharam, ok? :)

3 comentários:

Patricia Coelho disse...

OIE, ótima iniciativa em falar de um assunto tão sério quanto esse. E que bom q seja num blog bem feminino, porque as pessoas confundem, como se nao pudesse adicionar feminismo ao feminino. bjus

Patricia Coelho disse...

Visite www.revistademuher.blogspot.com

Bárbara Carvalho disse...

Verdade, Patrícia. E as pessoas acham que as blogueiras de blogs desse tipo, são idiotas e burras. beijos!

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
 

Template by Best Web Hosting